29 de ago de 2014

28/08: CELEBRAÇÃO DA SOLENIDADE DE NOSSO PAI SANTO AGOSTINHO EM ALGUMAS COMUNIDADES DA PROVÍNCIA .

Província Santa Rita de Cássia
Brasil



ONTEM (28/08) CELEBRAMOS A SOLENIDADE DE NOSSO PAI SANTO AGOSTINHO. COMPARTILHAMOS AQUI UM RESUMO DOS PRINCIPAIS FATOS DE SUA VIDA E ALGUMAS FOTOS DA FESTIVIDADE PELA PROVÍNCIA.
 
Aurelius Augustinus, mais conhecido como SANTO AGOSTINHO nasce em TAGASTE DE NUMÍDIA, província romana ao norte da África em 13 de novembro de 354; primogênito do pagão Patrício e da fervorosa cristã Mônica. Criança alegre, buliçosa, entusiasta do jogo, travessa e amante da amizade, não gosta muito de estudar porque os mestres usam métodos agressivos e não são sinceros. Ante os adultos se revela como "um menino de grandes esperanças", com inteligência clara e coração inquieto.
 
Africano pela lei do solo, romano pela cultura e língua, e cristão por educação. AGOSTINHO, jovem, de temperamento impulsivo e veemente, se entrega com afinco ao estudo e aprende toda a ciência do seu tempo. Chega a ser brilhante professor de retórica em Cartago, Roma e Milão.


Sedento de Verdade e Felicidade

Em sua busca afanosa vive longos anos com ânimo disperso. Vazio de Deus e agarrado pelo pecado, a vontade "sequestrada", errante e peregrina, "enganado e enganador".

Mas, seu coração, sempre aberto à verdade, chega ao encontro da graça pelo caminho da interioridade, apoiado pelas orações de sua mãe, que na infância lhe havia marcado com o sinal da cruz.


Coração Sempre Jovem

Estando em Milão, no seu horto; uma voz infantil o anima - "TOMA E LÊ" - a ler as Escrituras, ficando de repente iluminada a sua inteligência com uma luz de segurança e satisfazendo o seu coração - CORAÇÃO HUMANO - coração grande de jovem; era o outono do ano 386.

Deixando a docência, retira-se a CASSICÍACO, recinto de paz e silêncio e põe em prática o Evangelho em profunda amizade compartilhada: vida de quietude, animada somente pela paixão à Verdade. Assim se prepara para ser batizado na Primavera de 387 por Santo Ambrósio.


Inspirador da Vida Religiosa

De novo em Tagaste - a mãe morre no porto de Roma - vende suas posses e projeta seu programa de vida comum: probreza, oração e trabalho. Por seus dotes naturais e títulos de graça, cresce em torno dele um grupo de amizade e funda para a história o Monacato Agostiniano.

No ano 391 é proclamado sacerdote pelo povo, e cinco anos mais tarde, os cristãos de Hipona o apresentam para o Episcopado. Consagrado BISPO DE HIPONA - título de serviço e não de honra - converte a sua residência em casa de oração e tribunal de causas. Inspirador da vida religiosa, pastor de almas, administrador de justiça, defensor da Fé e da Verdade. Prega e escreve de forma infatigável e condensa o pensamento do seu tempo.


O Primeiro Homem Moderno

Em 429 os vândalos, guiados por Genserico atravessam o Estreito de Gibraltar e atacam o norte africano. AGOSTINHO "cercado com o seu povo" sente amargura e luto, alenta o ânimo de seus fiéis e os convida à defesa. No terceiro mês do assédio, aos 76 anos de vida, em 28 de agosto de 430, começa a viver na Cidade de Deus uma vida mais nobre.


Herança

Agostinho vive hoje na família Agostiniana que lhe reconhece como Pai, no culto da Igreja que o venera como Santo, em todas as almas recuperadas que lhe devem o seu retorno a Deus e nas mentes privilegiadas que o admiram por seu gênio fecundo.


Pessoas influentes na sua vida

SUA FAMÍLIA

Patrício - Pai, oficial

Sta.Mônica - Mãe, fervorosa cristã.

Navigio - Irmão, morreu jovem.

Perpétua - Irmã, religiosa dos primeiros mosteiros.

Melânia (?) - Mãe de seu filho Adeodato.

Adeodato - Seu filho, morreu jovem.

 

SEUS COMPANHEIROS E AMIGOS

Alipio - Conterrâneo e discípulo.

Evódio - Membro do grupo em Milão.

Severo - Membro da 1ª comunidade.

Possídio - Autor da 1ª biografia e erudito cristão.

Nebrídio - Discípulo de Agostinho na Itália.

 

SUAS MOTIVAÇÕES E INSPIRAÇÕES

Romaniano - Rico, amigo da família.

Cícero - Poeta latino e autor de O Hortêncio.

Fausto - Chefe supremo dos Maniqueus.

Santo Ambrósio - Bispo de Milão.

S. Jerônimo - Grande estudioso e erudito cristão.

Ponticiano - Empregado da Corte Imperial.

Mario Victorino - Filósofo do século IV.

 

OBRAS MAIS IMPORTANTES

As Confissões - Autobiografia.

A Cidade de Deus

A Trindade

Ensaios Filosóficos

Tratados Educacionais e Tratados Bíblicos

Sobre a Vida Religiosa, Dogmáticos e Apologéticos.


Lugares mais importantes em sua vida

TAGASTE • cidade natal • início dos estudos • primeira experiência como professor de gramática • primeiro mosteiro agostiniano.

MADAURA • educação secundária.

CARTAGO • estudos superiores: artes liberais e retórica • primeira experiência como professor de retórica • sede de muitos concílios que participou como bispo • fundação de um mosteiro agostiniano.

ROMA • capital do Império Romano • cátedra de retórica • lugar de repouso depois da morte de sua mãe.

MILÃO • residência do Imperador • cátedra oficial de retórica no palácio imperial • lugar da sua conversão e batismo.

ÓSTIA TIBERINA • porto marítimo de Roma • êxtase • morte e sepultura de sua mãe.

CASSICÍACO • vila perto de Milão • lugar de retiro em companhia de seus amigos antes do batismo escreve vários tratados filosóficos em diálogo com seus amigos.

HIPONA • sede diocesana de Agostinho onde foi ordenado Sacerdote e depois Bispo. Fundou três mosteiros; onde morreu e foi sepultado.

Edição para o Blog da Província: Frei Ricardo, OAR

 
Algumas fotos das comemorações pela província:
 
Ribeirão Preto-SP
 
Rio de Janeiro-RJ
 
Vitória-ES
 
Castelo-ES
 
Franca-SP
 
São Paulo-SP
 
Saiba mais acessando a nossa WEB OFICIAL:  

Nenhum comentário:

Postar um comentário