3 de jul de 2018

DE 02 A 06/07/2018 ACONTECE NA “SERRA DA PIEDADE/MG”, OS CINCO DIAS COMPLETOS DE RETIRO ANUAL COM OS FRADES AGOSTINIANOS RECOLETOS DA PROVÍNCIA SANTA RITA DE CÁSSIA.

Retiro Anual da Província.
Caeté-MG.


Nestes dias, (02 a 06/07/2018) acontece na “Serra da Piedade/MG”, o RETIRO ANUAL COM OS FRADES AGOSTINIANOS RECOLETOS DA PROVÍNCIA SANTA RITA DE CÁSSIA.

Desde alguns anos, os retiros seguem as orientações, reflexões e meditações contidas em: AGOSTINIANOS RECOLETOS. Exercícios Espirituais Agostinianos. E estão sendo apresentadas, neste ano de 2018, pelo Bispo Prelado de Lábrea/AM, Dom Frei Santiago, OAR.

A estrutura básica do retiro, assim procede:

·               Pela manhã: na capela com a oração do Ofício das Leituras, meditação e Laudes. Explanações do pregador. Logo após as explanações matutinas os frades passam à capela onde acontece a exposição do Santíssimo Sacramento para adoração e oração.

·               Pela tarde: continuidade às reflexões por parte do pregador. Às 17h30m acontece a Lectio Divina e Bênção do Santíssimo Sacramento em seguida. Já às 18h inicia-se a Celebração Eucarística presidida pelo pregador do retiro e concelebrada pelos demais frades presentes.

·       Pela noite: depois de um delicioso jantar em comunidade de irmãos, dá-se um pequeno intervalo; finalizando o dia de atividades com as orações previstas para o retiro.

Em Nosso Pai Santo Agostinho.

Por Frei Ricardo Alberto Dias, OAR – Franca/SP.



Pregador: Dom Frei Santiago, OAR - Bispo de Lábrea/AM.




Nossa Senhora da Piedade - Padroeira do Estado de Minas Gerais.




Fonte no pátio central.




Oração da Manhã.




Dom Santiago (centro); Frei Eneás (direita); Frei Geraldo (esquerda).



Saiba mais acessando a nossa WEB OFICIAL:

29 de jun de 2018

EXPEDIÇÃO VOCACIONAL AGOSTINIANA RECOLETA 2018 - COMUNIDADE “CASA PROVINCIAL - MISSIONÁRIAS AGOSTINIANAS RECOLETAS” – VITÓRIA/ES.

Missionárias Agostinianas Recoletas.
Vitória/ES.


No dia primeiro de junho a comunidade Casa Provincial recebeu o troféu relicário símbolo da Expedição Vocacional no Brasil. Dando assim, o inicio do movimento da Expedição Vocacional na comunidade.

A abertura foi marcada pela celebração Eucarística na Catedral Metropolitana de Vitória, presidida pelo Padre Marcelo Morgan. A celebração teve um grande alcance de audiência, pois, as missas são radiadas pela Rádio América.

O trabalho da expedição aconteceu na comunidade MAR, Centro Educacional Agostiniano e, em todas as Comunidades  da Paróquia Nossa senhora da Vitória. Em todas as comunidades o convite da expedição vocacional foi, pararmos e mergulharmos dentro de nós mesmos para escutar o chamando do Mestre Interior.  Foi muito bem acolhido por todos, através da reza do terço, de catequese, atos vocacionais, celebração da Palavra e celebração Eucarística.

No centro Educacional Agostiniano, o trabalho foi realizado com todo o corpo discente  docente e funcionários da Comunidade Escolar. No dia quatro, deu-se a abertura solene com os alunos dos turnos matutino e vespertino, e durante toda a semana teve reflexão com todas as turmas do infantil ao Ensino Médio na capela do colégio devidamente preparada. Mesmo contando com uma grande quantidade de alunos de outras denominações religiosas, a proposta foi aceita por todos. Visto que é, do cerne do homem, voltar-se para o transcendente e buscá-lo interiormente. É incrível perceber a sensibilidade das crianças em escutar o apelo de Deus em seus corações em serem pessoas boas, terra onde a semente do amor se fecunda e cresce. Encerramos as atividades no colégio no dia oito com a celebração Eucarística no turno matutino presidida pelo Padre Marcelo Morgan e celebração da Palavra no turno Vespertino.

Finalmente após uma longa e fecunda jornada de trabalho no território paroquial e  escolar, no dia dez encerramos a Expedição vocacional com a celebração Eucarística na comunidade Nossa Senhora de Nazaré presidida pelo pároco padre Renato Cristi.

Foi um tempo agraciado para a comunidade MAR, a comunidade do Centro Educacional Agostiniano, como também, para toda a Comunidade Paroquial. A presença das relíquias dos nossos Santos (Agostinho, Rita, Mônica e Tomas de Vila Nova) nos lembrou o testemunho de vida enquanto peregrinavam nesta terra sendo assim estímulo para nós no seguimento comprometido a Jesus Cristo. Pois como bem, nos lembra o logo da expedição, a certeza de sermos amados e chamados por Deus nos faz seguir firme no seguimento e no amor a Cristo e aos Irmãos, sendo assim “luz e sal da terra”.

Por Irmã Francisca Braga Malveira, MAR - Vitória/ES.
Edição: Frei Ricardo Alberto Dias, OAR – Franca/SP.

Algumas fotos das celebrações:












Saiba mais acessando a nossa WEB
OFICIAL:
  

ENCERRAMENTO DA EXPEDIÇÃO VOCACIONAL EM VITÓRIA/ES.

Paróquia Santa Rita de Cássia
Vitória/ES



No dia 17/06/2018, às 18h, na Igreja Matriz Santa Rita de Cássia (Praia do Canto – Vitória/ES) o pároco Frei Agostinho Morosini, OAR presidiu a Santa Missa de encerramento da “Expedição Vocacional/OAR” nesta mesma paróquia agostiniana recoleta.

Na homilia, Frei Agostinho explicou a importância de todas as vocações, não apenas sacerdotal ou religiosa, mas também, a laical (Ano do Laicato). Apresentou os novos ministros extraordinários da distribuição da Sagrada Comunhão como exemplos. Seja jovem ou adulto, casado ou namorado, todos podem construir o Reino de Deus no serviço aos irmãos e irmãs.

Também no mesmo dia 17/06/2018, agora às 19h30m, Frei Cassiano presidiu a Santa Missa, concelebrada por Frei Sérgio Sambl, onde mais uma vez houve o Rito de Encerramento da Expedição Vocacional/OAR.

Na homilia, Frei Cassiano refletiu sobre o Evangelho, as parábolas do Reino de Deus e relacionou com a vida dos Santos Agostinianos. Antes da Bênção Final o troféu-relicário foi retirado, pois seguiu neste mesmo dia para a cidade de Muqui/ES – Paróquia São João Batista.

Por Vanessa Pagiola e Frei Ricardo Alberto Dias, OAR. Vitória/ES e Franca/SP.


Algumas fotos das celebrações:
  
  


  




Saiba mais acessando a nossa WEB
OFICIAL:


14 de jun de 2018

INÍCIO DA EXPEDIÇÃO VOCACIONAL OAR EM VITÓRIA/ES.

Paróquia Santa Rita de Cássia.
Vitória/ES.


No dia 11/06/2018, às 18h30 deu-se início a “Expedição Vocacional” na Paróquia Agostiniana Recoleta Santa Rita de Cássia na cidade de Vitória/ES.

O símbolo da expedição entrou na procissão de entrada e a missa foi presidida pelo Frei Agostinho e co-celebrada pelo Frei Sérgio.

Ao final da homilia Frei Agostinho apresentou o SAV (Serviço de Animação Vocacional) da paróquia.

Durante a semana, estão programadas diversas atividades. Venha participar conosco.

Um dos elementos da Expedição Vocacional Agostiniana Recoleta é o Símbolo: o Troféu-Relicário da Expedição Vocacional. Abaixo descrevemos o significado de cada elemento que constitui o símbolo expedicionário.

BASE: A expedição vocacional quer motivar nossas comunidades religiosas e ministérios para a cultura vocacional, o que nos impulsiona a apresentar as espiritualidades agostiniana e recoleta como uma opção clara e segura do seguimento de Jesus Cristo, representada pelos dois degraus que compõem a base do símbolo vocacional. Também serve para nos lembrarque antes de tudo somo agostinianos e recoletos.

TORRES: As duas torres se erguem para o céu tendo como base a espiritualidade agostiniana recoleta e representam a ciência e a caridade, que são expressão de nosso carisma, que nos fazem buscar as coisas do alto. Sua transparência nos faz lembrar o desejo mais profundo do ser humano: buscar e descansar em Deus.

CORAÇÃO AGOSTINIANO: O zelo e cultivo das vocações sempre foi um esforço  fomentado pela família agostiniana recoleta. Com a expedição vocacional queremos que todas as crianças, jovens e adultos, pertencentes ou não aos nosso ministérios, sintam-se participantes da mesma experiência de Agostinho: ter um coração transpassado pelo dardo da Palavra de Deus e ardendo de amor por Ele e pelos irmãos. A cor vermelha do coração agostiniano representa a paixão pela comunidade e pelo serviço à Igreja nos mais pequenos. O coração suspenso no símbolo quer nos lembrar que o homem e a mulher agostiniano recoleto tem seu coração na cidade de Deus, mesmo que ainda caminhe pela cidade dos homens.

RELÍQUIAS: “Se amas a Cristo, segue-o!” é o lema da expedição vocacional tirado do tratado ao Evangelho de São João (34,9) de nosso pai Santo Agostinho; quer nos lembrar que toda resposta vocacional é uma resposta de amor ao Amor. Os corpos dos santos que serviram ao nosso Senhor são lembranças belíssimas do amor com que se consumiram. Corpos verdadeiros que se doaram, que seguiram, que se gastaram por amor. As relíquias de nosso pai Santo Agostinho, Santa Mônica, Santa Rita de Cássia e Santo Tomás de Vilanova devem despertar em nós a mesma paixão pela qual se gastaram, se consumiram, se derramaram por amor a Cristo. Portanto, se seguimos a Cristo, sigamos seus exemplos.

Por Vanessa Pagiola – Vitória/ES.
Edição: Frei Ricardo Alberto Dias, OAR – Franca/SP.


Veja algumas fotos da celebração:
  






  
Saiba mais acessando a nossa WEB
OFICIAL:
  

ENCONTRÃO DA JUVENTUDE AGOSTINIANA RECOLETA (JAR) DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA LUZ (PRELAZIA DO MARAJÓ – PORTEL-PA).

Juventude Agostiniana Recoleta.
Prelazia de Marajó/PA. 



Na noite da segunda-feira dia 11/06/2018, a Juventude Agostiniana Recoleta (JAR) da Paróquia Nossa Senhora da Luz (Portel-PA) se reuniu no Auditório Manarijó para “Encontrão da JAR” cujo objetivo é a fraternidade entre as Comunidades, Pré-Comunidades e Caravana.

De forma especial, acolhemos em nosso movimento o promotor vocacional da Província Santa Rita de Cássia, Frei Gustavo Barbiero e o promotor vocacional e assessor para a juventude da província Santo Tomás de Villanova no Brasil, Frei Danilo Janegitz.

Nesta paróquia reside Frei Rhuam que atualmente realiza o ano de inserção à vida pastoral e é assessor religioso da JAR Portel.

Na oportunidade, foram apresentas aos Frades as comunidades que formam a JAR Portel: Etapa Hipona: Comunidade Santo Agostinho, Comunidade Santa Madalena de Nagasáki e Comunidade Santa Mônica. Etapa Cassicíaco: Pré-Comunidade da cidade e a Pré-Comunidade Santo Agostinho presente no Rio Pacajá. Etapa Milão: Caravana.

Frei Gustavo nos falou um pouco de seu testemunho vocacional e a formação: “o que é ser JAR?”. Além disso, nos trouxe um presente da JAR Cachoeiro, um detalhe destes irmãos que mesmo longe, estão presentes com seu carinho e incentivo.

Agradecemos a Deus por nos proporcionar momentos como este onde sentimos vivo o ideal de nosso pai santo Agostinho!


Por Frei Rhuam Ferreira Rodrigues de Almeida, OAR.
Paróquia Nossa Senhora da Luz (Prelazia do Marajó – Portel-PA).

Edição: Frei Ricardo Alberto Dias, OAR – Franca/SP.


Veja algumas fotos do encontro:











Saiba mais acessando a nossa WEB
OFICIAL:

19 de mai de 2018

ACONTECEU O “I ENCONTRO ESTADUAL DE MÃES MONICA NA PARÓQUIA SANTA RITA DE CÁSSIA” – VITÓRIA/ES.

Paróquia Santa Rita de Cássia.
Vitória/ES.




        No dia 11 de maio/2018 foi realizado o “I Encontro Estadual de Mães Monica na Paroquia Santa Rita de Cássia” - Praia do Canto (Vitória/ES).

        O encontro teve início com a Santa Missa, presidida por Frei Agostinho e concelebrada por Frei Cassiano e Frei Sérgio Sambl.

        Após missa Frei Agostinho, primeiramente, acolheu as coordenadoras e grupos das “Mães Mônica” que estavam presentes: da Paroquia São João Batista de Muqui, da Comunidade Santa Mônica de Vitória e da Igreja Matriz Santa Rita de Cássia.

        Depois saudou a Vítor Paris, consagrado da “Comunidade Jesus Está Vivo”. Ele convidou todos a abrirem-se à adoração de forma confiante e confiar a Deus a vida dos filhos, à Jesus que com compaixão e ternura acolhe a dor de cada mãe que sofre por seus filhos.

        Foi conduzida a adoração ao Santíssimo Sacramento, com cantos, louvor e súplicas pelos filhos. Após o término da adoração e os agradecimentos todos foram convidados a uma breve e calorosa confraternização no salão anexo.

Por Vanessa Pagiola – Vitória/ES.
Edição: Frei Ricardo Alberto Dias, OAR – Franca/SP.


Veja algumas fotos do encontro:







  





  
Saiba mais acessando a nossa WEB
OFICIAL: